Projeto 42k – Report #2

Não tenho o que acrescentar nesta atualização pois no dia 23/01 eu me lesionei durante o treino de tiros.

Pior! Estava chovendo forte e eu caí no amadorismo de fazer uma curva, do tipo cotovelo, em plena velocidade. Não reparei que a água estava escondendo algumas pedras e acabei virando o pé, torcendo o tornozelo.

Retorno com os treinos no dia 12/02. A pergunta que está na minha cabeça é quanto eu perdi em relação ao condicionamento…

Anúncios

Que tempo bom…

Assim como muitos, que tem mais de 30 anos, sou um baita de um saudosista! Gosto de conversar sobre épocas passadas, fatos que aconteceram há mais de 15, 20 anos. Na verdade, acho que todo mundo da minha idade deve gostar disso. Se não o faz abertamente, com certeza se pega lembrando de algum tempo bom que viveu no passado enquanto a cabeça repousa em algum travesseiro ou na janela do metrô. Saudosismo fica mais agudo em mim a cada ano…

O que me motivou a escrever este post é que, recentemente, colocaram uma foto em uma comunidade da escola onde cursei o fundamental, uma foto da turma da quarta série, 1993 o ano, rs.  E entre várias curtidas e comentários, um grupo no WhatsApp foi criado. Imagina a chuva de mensagens que estão rolando lá até agora…

26994226_1492292410869723_3101882339089474164_n
Me acha aí na foto!!

Com o passar dos anos e as inúmeras coisas que você fez, poder compartilhar isso com os antigos amigos de escola e ouvir as histórias deles são coisas que enche (pelo menos o meu) o coração de alegria. Ficar feliz porque aquele cara que sentava perto de você se deu bem na vida, que casou, se formou, tem filhos… ele ficar feliz por poder voltar a falar contigo e ouvir atentamente sobre seus feitos. Bate em mim a vontade de poder voltar no tempo e viver aquilo tudo de novo e, quem sabe, mudando algumas coisas, rs. Mentira… não acho que há algo que deveria ser mudado.

WhatsApp Image 2018-02-06 at 12.09.54
Me ache aqui também!!

Você tem alguma lembrança do seu tempo de escola? Me conta um pouco sobre!

Projeto 42k – Report #1

Hey, fellas!!

Continuo correndo!! Conforme diz o aplicativo ‘miCoach’, eu estou em um status ‘Ativo’, acreditem!!

Depois de quase 5 semanas consecutivas, posso dizer que já sinto algumas pequenas mudanças no corpo e na forma de correr. Ainda não consigo fazer 5k sem quebrar porém estou quase chegando lá.

Na primeira semana, rolou corridas visando ganho de resistência, aquelas corridas de 30′, 40′, 60′. No último domingo, fiz a corrida de 60′ e, apesar de ter sido difícil, eu acho que saí bem melhor do que a encomenda. Já não tenho mais aquela preguiça de sair pra correr, pelo contrário! Já bate aquela ansiedade para o próximo treino ou para sair para correr. Já bate aquela doideira de procurar gente que corre e ficar falando sobre corrida.

Na segunda semana (esta) já vai entrar uns tiros, corrida de limiar (mas de curta duração) e as típicas de resistência. Tô curtindo! Tá bacana de sentir e acho que o momento de parar ficou pra trás.

Segue o jogo!!

Missão maratona (de novo)

 

Montagem: Bitmoji

 

Bem… não é a primeira vez que compartilho que me prepararei para correr uma maratona, eu sei!

Porém, de alguma forma, eu preciso buscar motivações para me manter em movimento. Recentemente voltei a correr e a sensação é de que eu nunca fiz isso na minha vida. Lembro quando tinha o hábito de seguir a planilha no trilho, acordar cedo, fazer corridas de 20, 30, 45, 90 minutos… alongar, fazer prancha, tentar comer direito. Tudo isso me permitiu em pouco tempo ser sub 50 nos 10k mas, por relaxo mesmo, abandonei. Nunca realizei um ciclo de treinamento completo e sou prova viva que disciplina funciona! Mesmo nunca tendo terminado um ciclo, eu já senti as mudanças de performance no meu corpo graças a quase 3 meses de dedicação sem interrupções. Enfim!

Dia 15 começarei a planilha para encarar meus primeiros 42k e, até lá, estarei condicionando a ‘macchina’ para quase 6 meses de preparação. Vamos ver como será…

*recomendo procurarem os especialistas (não blogueiros) antes de iniciarem qualquer atividade física, certo?

Felipe Massa!!

f1-massa-brasil-vitoria
Foto: Divulgação

Felipe Massa anunciou, novamente, que irá se aposentar no final da temporada 2017 da Fórmula 1.

Ao todo, se largar nas próximas duas etapas que fecharão a temporada, somará um total de 269 largadas. O brasileiro possui 11 vitórias, 41 pódios, 16 pole positions, 15 voltas mais rápidas em corridas. Sem contar que foi piloto da Ferrari entre os anos de 2006 até 2013 e, em 2008, quase foi campeão mundial. Eu mesmo me lembro de ter levantado de uma cadeira comemorando a conquista que, segundos depois, foi perdida por causa da histórica ultrapassagem de Lewis Hamilton sobre Timo Glock. Doeu…

Em uma era em que pilotos precisam ‘pagar’ para participar do grid, Massa está em sua 15ª temporada na categoria. Não precisou de um caminhão de dinheiro por trás para brigar por resultados. Sofreu também um grave acidente em 2009 na Hungria em seu melhor momento da carreira.

Uma carreira vitoriosa! Infelizmente ou felizmente, sempre haverão os críticos mais ferrenhos com as velhas piadas de sempre. No esporte sempre tem esse tipo de fã… Concordo contigo quando disse que não sabem o que dizem.

massa03
Foto: Divulgação

Da minha parte, fica aqui o breve registro e o meu mais profundo agradecimento, Massa!! E que tenha sucesso em alguma outra categoria; talvez a DTM, a Fórmula E… quem sabe vejo você participando da WEC. Quem sabe!

Valeu mesmo!!

Let’s ‘Talk’…

Estou enfeitiçado pelo álbum ‘Talk’ do Daniel Johns! E digo mais! Seu disco é um dos bons álbuns que ouvi nesses últimos meses! Deixando meu lado fã do cara de lado, eu reforço os comentários que a mídia fez sobre a coragem que ele teve em se reinventar, em se consolidar como artista pop e, juntando vários gêneros musicais, falsetes e eletrônica, ele conseguiu gravar um disco bacana. Em tempo, o seu trabalho solo é de 2015.

Enquanto estive deitado, prestando atenção nas músicas, fui rapidamente conquistado com a Aerial Love. Cantei em pensamento o ‘Ooooh! Ooh! Uooh!’ da By Your Side, senti o peso da Preach mais de uma vez, pedi desculpas para a Cool on Fire (mais abaixo entenderão o pedido de desculpas) e favoritei a Dissolve. Sem falar na Chained, Faithless, New York… É um disco pra apreciar sem pressa e o ‘flowzinho’ dele é gostoso de sentir! Posso até dizer que é um disco bom pra ouvir enquanto você tá namorando, rs.

Eu confesso que por ser fã do Silverchair (leia o post que escrevi sobre a banda clicando aqui), torci o nariz para o disco e para os singles na época do lançamento. Tô acostumado em ver o Daniel no palco com aquela PRS Custom 24, cantando Freak usando aquele vocal gutural foda, sabe? Não foi fácil engolir ele cantando ‘Cool on Fire’ pela primeira vez…

960e4bed11ea4fa14011e30f94aadf7d
Foto: Stephen Cooper

Ao longo de sua carreira musical com o Silverchair (Daniel tem 37 anos e fez sucesso com a banda quando tinha 15), Daniel sempre experimentou/acrescentou coisas novas à sua música e isso, na minha opinião de bosta, o coloca como um artista talentoso. Só que mesmo sendo um ótimo álbum, ele não conseguiu separá-lo da imagem de frontman do Silverchair.

Escute o disco e tire suas próprias impressões. Cheers!!